Seja um membro LRI

Receba notícas em primeira mão assim como ofertas privilegiadas

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Fontes Industriais da Família MDR da Meanwell

Garanta eficiência em seus projetos com a linha MDR da Meanwell, fontes de alimentação robustas para uso industrial.
InícioAlimentação industrialComo Escolher a Fonte de LED Adequada-2023

Como Escolher a Fonte de LED Adequada-2023

Fonte de Alimentação Ideal de LED

A iluminação com Fonte de LED tem se popularizado rapidamente nos últimos anos devido à sua eficiência energética, longa vida útil e qualidade de luz superior. No entanto, para garantir a melhor performance do seu LED, é fundamental escolher a fonte de alimentação correta. Veja a seguir um guia prático de como escolher a fonte ideal para LED.

1. Entenda como escolher a fonte de led

Antes de mais nada, é preciso saber a voltagem (V) e a corrente (mA ou A) que o seu LED precisa. Estes detalhes geralmente são fornecidos pelo fabricante na embalagem ou na ficha técnica do LED.

2. Tipo de Fonte de LED: Corrente Constante vs. Tensão Constante

  • Fontes de Corrente Constante (CC): Ideais para a maioria dos LEDs de alta potência. Essas fontes fornecem uma corrente constante, garantindo que o LED funcione na corrente para a qual foi projetado.
  • Fontes de Tensão Constante (CV): Mais comuns para fitas de LED e conjuntos de LEDs que requerem uma tensão específica.

Verifique o tipo recomendado para o seu LED e escolha a fonte correspondente.

3. Capacidade da Fonte

Garanta que a fonte possua capacidade suficiente para alimentar todos os seus LEDs. Por exemplo, se você tem 10 LEDs que consomem 3W cada, você precisará de uma fonte de no mínimo 30W.

4. Eficiência

A eficiência da fonte se refere à quantidade de energia que é realmente convertida em luz pelo LED, em vez de ser perdida como calor. Fontes com alta eficiência (geralmente 85% ou mais) são mais econômicas e garantem uma vida útil mais longa para os LEDs.

5. Proteção contra Sobretensão e Surtos

Opte por fontes que oferecem proteções adicionais, como contra sobretensão ou surtos elétricos. Isso pode evitar danos aos seus LEDs em caso de flutuações na rede elétrica.

6. Dimerização

Se pretende controlar a intensidade luminosa do seu LED, escolha uma fonte que seja compatível com sistemas de dimmer. Confirme se a fonte é compatível com o tipo de dimmer que você possui ou pretende adquirir.

7. Certificações e Selos de Qualidade

Procure por fontes que possuam certificações e selos de qualidade, indicando que passaram por testes rigorosos de performance e segurança.

Conclusão

A escolha adequada da fonte de alimentação é crucial para garantir o desempenho e a durabilidade do seu LED. Ao considerar os fatores mencionados acima, você garantirá uma iluminação eficiente e de alta qualidade. Lembre-se sempre de consultar as especificações do fabricante do LED e, em caso de dúvida, consulte um especialista na área.

Esperamos que este texto tenha sido útil e esclarecedor para você. Se você gostou deste texto e quer saber mais sobre outros produtos da LRI, visite nosso blog. Se você tem interesse em adquirir o produto, acesse nossa loja oficial e faça o seu pedido.

Pergunte mais para nossa engenharia – vendas@LRI.com.br